RV+

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PREVALÊNCIA E IMPACTO NA QUALIDADE DE VIDA DOS SINTOMAS DO TRATO URINÁRIO INFERIOR EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES COM DOENÇA FALCIFORME

Resumo

Introdução e Objetivos:Anemia falciforme(AF) é a doença genética mais comum do Brasil e acomete principalmente afrodescendentes. Sintomas do trato urinário inferior(STUI) são eventualmente relatados, mas estudos acerca da prevalência e do impacto dos mesmos na qualidade de vida desta população escassos, particularmente em nosso meio. Nosso objetivo foi avaliar a prevalência e o impacto dos mesmos na qualidade de vida(QV) em crianças e adolescentes com AF.
Métodos:Trata-se de um estudo transversal, que avaliou 48 pacientes consecutivos(26fem/22masc), acompanhados em centro de referência a partir de questionário estruturado dos STUI.
Resultados:A idade média foi de 11,27±4,76 anos. Baseado nos sintomas 30(62,5%) foram considerados sintomáticos. Enurese noturna foi o sintoma mais frequente em 21(43,7%), seguido de noctúria em 11(23%), urgência em 10(21%) e enurese diurna em 6(12%). Dos pacientes sintomáticos 13(43%) consideram que STUI impactam gravemente sua qualidade de vida
Conclusões: Os STUI são altamente prevalentes em crianças e adolescentes com AF e têm um significativo impacto negativo na QV . Apesar de não estarem habitualmente associados a AF, em virtude do desconforto gerado, entendemos que tais sintomas devam receber maior atenção nas avaliações clínicas desta população

Palavra Chave 1

Disfunção Miccional

Palavra Chave 2

Enurese Noturna

Palavra Chave

Nocturia

Área

URO-PEDIATRIA

Autores

Alana Nelli, Heros Maia, Mateus Alvaia, Evanilda Carvalho, Jose Bessa Junior

Local
do Evento

Centro de Convenções UFOP - R. Diogo de Vasconcelos, 328 Ouro Preto - MG, 35400-000
centrodeconvencoesufop.com.br

INICIATIVA E REALIZAÇÃO

Sociedade Brasileira de Urologia

PRODUÇÃO E GERENCIAMENTO

RV Mais Promoção e Eventos

AGÊNCIA OFICIAL

Ecology

ENTIDADES APOIADORAS

SBU
SBOC
SBRT
UNIMED